segunda-feira, 8 de março de 2010

"Plantas que crescem a olho nu" agora no Cronópios

 "Lembrou do dia em que, talvez sob efeito de insônia, olhara pela janela de madeira o humilde jardim que embelezava a frente da casa alugada. Os pernilongos, aliados ao ronco incessante de um pai que dormia feliz por receber a visita do filho, não o deixavam dormir. Nesse jardim, que de flor não tinha nada e sim apenas matos e ervas daninhas, o menino vira plantas crescerem e se movimentando a olho nu..."


Nenhum comentário: